Tic Tac, Tic Tac...

By Sofia B. - julho 05, 2014

Gosto de vir aqui e reler o que escrevi noutras ocasiões. É uma espécie de terapia. Faz-me bem.
A propósito disso deparei com este post (ver aqui, exactamente aqui!) e ocorreu-me que já posso fazer alguns vistos em alguns tópicos, noutros... ainda nem comecei.

Comecei a praticar mais desporto mas não é com a regularidade que gostaria; hobbys novos...jardinagem forçada conta?!; vamos passar a parte das férias sim!; ler/escrever não tanto quanto gostaria mas para variar ando com 2 livros começados; curso/workshop não houve ainda oportunidade financeira; tem-se aproveitado o tempo sim, espremendo assim acho que umas vezes melhor outras só me apetece dar choques a mim mesma; prazos... pois...a melhorar!; cuidar mais e melhor de mim leva um grande visto porque aqui tenho aplicado muito do tempo e disponibilidade financeira e sim já era necessário e sim está a fazer toda a diferença; mais uma tattoo é verdade; cozinhar mais... também se confirma e cada vez mais da forma como gostaria; as bichinhas é que não têm estado comigo e tenho umas saudades delas de partir o coração...; tempo de qualidade, diria que sim tenho conseguido aproveitar e desfrutar mas sim também é para melhorar; isto do deitar fora... não tem sido fácil mas tem ido... actualmente anda-se em grandes mudanças aqui por casa, a dar imensas coisas que já não uso ou não me identifico, talvez assim o resto flua mais facilmente; assertividade e resiliência será algo a trabalhar durante toda a vida certo?!; Amor... apesar de tudo e espantosamente continuo a amar, amar a vida, a família, os amigos, os outros. Continuo a sentir-me apaixonada por a vida, sei que com menos intensidade e sofreguidão mas ainda assim apaixonada. 

E o porquê de isso ser importante para mim? Porque no início do ano coloquei uma meta a mim mesma que no máximo até Junho já teria algumas coisas resolvidas/terminadas/encaminhadas. E Junho passou... e não atingi a meta. E é daquelas coisas que basta apenas acontecer uma coisa para que tudo mude para melhor. Tenho andado aqui a "preparar terreno" e a aguardar porque tenho andado a fazer tudo o que posso mas... essa "coisa" não vem.
E começo a pensar se realmente ando mesmo a fazer tudo de tudo para fazer acontecer. Porque embora não esteja totalmente dependente de mim mas tenho de criar as condições. E questiono-me do que ando a fazer menos bem, ou que não ando a fazer.
Será que tenho ainda de dar mais de mim? Será que tenho de descer ainda mais para poder subir para onde quero?
Tenho tanto para dar e há alturas em que só vejo o tempo a passar.


  • Share:

You Might Also Like

0 comentários

Deixa a tua marca